.

.



Cuidado, el Francocaricaturizador Eduardo P.L desde Brasil con la exactitud de su habilidad artística está capturando víctimas sin importar su actividad, nacionalidad, raza, ni sexo, y las pone como trofeos en su "VITIMA DA QUINTA". Yo también caí allí. Para que lo conozcan más visiten BLOG UMBIGO. Un saludo a Eduardo desde este espacio.
PEPE SANMARTÍN
"Fiquem tranquilos os poderosos que têm medo de nós: nenhum humorista atira pra matar". Millôr
A palavra caricatura tem origem do idioma italiano caricare, cujo significado é aumentar as proporções. A caricatura está intimamente ligada com o exagero. Um desenho de uma pessoa feito de forma irreal - distorcendo determinadas características físicas - é um desenho caricato.

"O Eduardo é um assassino que "conquista" as Vítimas! Ele "des-tra-ça" cada detalhe como um "Jack o traçador". TONHOLIVEIRA

***
Paulo Henrique Giazzi Nassri - PH pelo traço do artista , os cirurgiões do grafite e nanquim . Lunardelli adorei !
*****
MIGUEL LOUREIRO : Mas é preciso ser má-língua, cínico e malvado, para se "destruir" algumas figuras que o espelho lhes diz que são perfeitas... E essa é que é a graça, que a maioria das mulheres não gosta (das delas).
Visite BLOG UMBIGO, com outras CARICATURAS

***

Desde Fevereiro de 2008, e mais de 702
caricaturas de quinta categoria...
& + de 254
SEGUIDORES....


Seguidores

Follow by Email

DESCUBRA OUTRAS VÍTIMAS

TRADUTOR

quinta-feira, 17 de dezembro de 2009

94º VÍTIMA DA QUINTA



Quem será?
Arrisque um palpite nos comentários!
Cuidado, você pode ser a próxima!

22 comentários:

Daniel disse...

Hallo Edu,

Die Frau fängt mit S an.

Viele Grüße,
Daniel

Eduardo P.L disse...

O DANIEL disse:

A mulher começa com S.

Atenciosamente,
Daniel



hahaha, Obrigado amigão! Você é o máximo!

Georgia disse...

Mas esse menino já passou por aqui? Me passou a perna entao e nem me disse nada. Eu vou dar um pulinho na ilha e ver como está o tempo porque por aqui está um vento tremendo e pior ainda com neve...

A caricatura ficou brilhante, Edu.
Com um sorriso bonito e com certeza ela vai gostar.

Abracos

Anônimo disse...

Hummmm será que sou eu, assim com tanto vento nos cabelos, um sorriso feito ilha????

Anônimo disse...

Brasileira, ou portuguesa?

Anônimo disse...

Sei não...

Anônimo disse...

Começa com s?num é eu entaum...

Anônimo disse...

Eu acho que conheço bem ela, é a S rssssssss.

Belo trabalho!!! ficou muito bom mesmo, tenho certeza que ela vai amar.

Abraços

Gisa disse...

Geo, como assim ? você conhece tdo mundo ? rsrsrsrs

Não sei quem é (pra variar) mas posso garantir que a caricatura ficou maravilhosa.

Edu, adoro quando você faz colorida... fica com um astral ótimo !! Parabéns mais uma vez.
Bjs

Norberto Marques disse...

Oi Edu :)
Você não pára de fazer vítimas, que assassino mais malvado, LOL LOL
Ouvi dizer que nessa ilha tem pássaro de água doce, será verdade ?
Ficou linda a S..ah ah ah aha h ah
Parabéns aos dois.

Abraço

Norberto

João Menéres disse...

Hoje cheguei tarde, muito tarde, pois estive numa ilha encantada cheia de bruxas e fadas.

Bom trabalho o do EDUARDO!

Regina d'Ávila disse...

Eu, como sempre, atrasada...
Georgia, seu filho já te superou...rsrs
Peguei a dica João...e vou lá ver se acho.
Volto já..já.

Super beijos,

Regina d'Ávila disse...

Achei!!! Uhuu!!!
Blog lindooo!!!
Ficou Fantástica!!..
Parabéns Eduardo...e a querida S.
Tem sim, pássaros de água doce e também tempestades que fazem cócegas...Não é delicioso??
Tem tudo nesta ilha...
Super Beijossss,

Regina d'Ávila.
Wania e Selena...estão atrasadas...

Maria Augusta disse...

Está linda a caricatura, que Vítima de sorte! Ela vai ficar muito feliz na sua ilha paradisíaca onde sopram os ventos...
Abraços.

Anônimo disse...

EU SEI!!!!!!!!!
MAS NÃO VOU DIZER......
rssss

entremares disse...

Estou a zero, deu uma branca...
Ilha?

Help...

João Menéres disse...

Nas ilhas há vento...

Selena Sartorelo disse...

Olá senhores,... senhoras,... e crianças.

E essa é parte que mais gosto, quando elas passam, passam como um vento na ilha, que abraça um espaço como o tempo que a razão ainda não alcançou.
Às vezes chegam como brisa, tão leves e delicadas que o tempo parece parar
Lembram a vida que um dia vivi, e tanto ventos que já percebi.
O lugar que cresci
e o que lá aprendi de uma infância feliz.
Noutras chegam como ventania...
Uma alegria que contagia
Como bafo saído do forno que assa o bolo do mais saboroso sabor.
Ingrediente preferido
Chocolate.
Ingrediente indispensável
amor.
Trás consigo o bornal repleto de querido alimento
A esperança do vento
A pureza da criança
Quando pedem, teimam, são furacões
Quando cansam são maresia
que inundam e invadem o ar
como um vento na ilha de cada um.
Acho que parei por aqui
pois a dica que ia dar,
simplesmente esqueci.

Parabéns ao Eduardo e a vítima.

Beijos,

Luísa disse...

Cheguei tardeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeee!
Nem o vento me adiantou os passos...na ilha simpática da vitima!
Agora vou apenas olhar de perto toda a investigação...
Ela é amorosa!Simpática! Uma ternura de pessoa em cada palavra que escreve! Casa imagem e poesia com muito bom gosto!
Sei de um Eduardo que a adora!
Quem será a vitima agora?



Parabéns pela caricatura!

entremares disse...

Amigo João, obrigado pela dica...

Já lá cheguei.... UFA, finalmente.

E sim... a S está mesmo ela, assim é que é.

Um abraço para todos
Rolando
( agora já vou conseguir dormir descansado )

João Menéres disse...

ROLANDO

À volta da ilha sem vento?
Sempre ao dispôr!

Ab.

Anônimo disse...

Me achei tão linda aqui, nem fiz cara de vítima, guardei foi a caricatura! Amei ser a vítima!
Mas estou agradecendo sem me revelar ainda, vá que alguém ainda não tenha descoberto!
Um abraço e muito obrigado por este carinho!

ÚLTIMAS 25 VÍTIMAS

Arquivo do blog

O PODER DA CARICATURA

A caricatura é o meio mais poderoso de desacreditar, no espírito do povo, os maus governos. É o mais rude castigo que se pode inflingir à sua injustiça e à sua baixeza. A caricatura faz mais que torná-los odiosos, torna-os desprezíveis: assim veja-se como a temem e como a vigiam. Nada que os comediantes da cena política tanto temam como o lápis da caricatura... Podem dizer às vezes que os seus admiráveis desenhos deram insónias aos homens de estado...Eça de Queiróslink
..."A falta de senso de humor é o último sinal de decadência de uma civilização. Um povo que não ri está a um passo do fim. É, o fim está BEM próximo."
BRANCO LEONE

"Caricaturar, caro Edu,
Não é crime tão atroz
Tal é a cumplicidade
Entre vítima e algoz."
PAULO SETUBAL


byTONHO disse...



O JC merece um "es-quar-te-ja-men-to"
lento e detalhado,
de frente, de dentro e de lado,
no teu traçado
meu caro Eduardo!


Abração!
:)

18 de fevereiro de 2011

José Carlos Brandão deixou um novo comentário sobre a sua postagem "161ª VÍTIMA DA QUINTA":

Nunca sou quem sou,
meu caro Eduardo,
se me olho no espelho,
mas em teus traços ardo
como no deserto um cardo.

Eu que sempre fui réu
e vítima do mundo,
me consolo no espelho
do teu desenho fiel
e infiel como a vida.

Um abraço amigo
da vítima da quinta.

Postado por José Carlos Brandão
31/03/2011


Quem sou eu

Minha foto
e-mail:eduardo.cimitan@gmail.com

Site Meter